Escolhendo o nome de domínio – Guia completo para leigos

por Carlos Torres
Escolhendo o nome de domínio - Guia completo para leigos

Obviamente, o primeiro passo na criação do seu site é escolher e comprar o seu nome de domínio para que os visitantes possam acessa-lo facilmente. Mas você deve estar se perguntando o que é, quais critérios escolher e como adquiri-lo? Neste artigo, responderemos a todas essas perguntas.

O que é nome de domínio?

O nome de domínio é simplesmente o endereço que permite que os usuários da Internet acessem seu site. Este é o elemento principal do URL do seu site. O objetivo do nome de domínio é, portanto, facilitar o acesso a sites com um nome curto, reconhecível, fácil de lembrar e escrever. Tem a forma de uma palavra ou frase curta seguida por uma extensão .com ou .com.br, dentre tantas outras, por exemplo.

O preço de um nome de domínio varia de acordo com o registrador (ou seja, a plataforma na qual você compra o nome de domínio) e a extensão que você escolher. Em média, você terá que pagar entre 40 e 100 reais por ano para usar seu nome de domínio. Mas existem soluções para reduzir o custo do seu nome de domínio, que é contratando um plano de hospedagem Web junto, como o das empresas OVH, PlanetHoster, Hostinger ou O2switch.

Como escolher seu nome de domínio

Dica nº 1 – Crie uma lista de nomes de domínio em potencial

Lista de Domínios

Imagem de Memed_Nurrohmad por Pixabay

Seu nome de domínio deve ser curto o suficiente e fácil de soletrar e lembrar. Consiste em uma palavra ou um conjunto de palavras que definem o seu negócio, sua identidade na Internet. Portanto, pode ser uma única palavra, como “Google” ou “Yahoo” ou algumas palavras, como “Loja de Sapatos” ou “Venda de Imóveis”

O nome de domínio do seu site também deve estar diretamente vinculado à sua marca. Pode até ser exatamente igual ao nome da sua empresa.

Com o aumento do uso de dispositivos móveis (principalmente smartphones) para navegar na Internet, prefira um nome de domínio que possa ser facilmente digitado em um teclado móvel, evitando gírias e palavras muito complicadas ou que possam ser substituídas por um corretor automático.

Faça uma lista de todos os nomes de domínio que vierem à sua mente. Se sua empresa ou marca ainda não foi criada, é ainda mais fácil, porque você realmente tem a capacidade de deixar sua imaginação correr solta.

Se você ficar sem ideias, pode usar um gerador de nome de domínio para obter sugestões de palavras ou frases que descrevem sua empresa.

Dica nº 2 – Evite nomes de domínio confusos

Observe que o seu nome de domínio deve ser totalmente consistente com os serviços ou produtos que você oferece. Assim, você evitará a decepção de seus visitantes quando chegarem a um site que não esperavam e do qual não precisam.

Além disso, tome cuidado para não confundir seu site com o site de outra marca, talvez até com um concorrente direto. Semeando dúvidas, você pode perder uma fatia significativa de mercado. Você também terá problemas para sair do jogo por ser muito parecido com seus concorrentes.

Dica nº 3 – Escolha uma extensão que corresponda à sua empresa

Extensão de Domínios

Imagem de Jan Alexander por Pixabay

Pense na extensão que você deseja adicionar no final do seu nome de domínio. Isso pode indicar precisamente a qual público você está se dirigindo. Por exemplo, a extensão com.br ou .net.br destinam-se mais aos visitantes brasileiros, enquanto a extensão .com e .net é destinada a um público internacional. Essas extensões comuns são muito populares e geralmente custam um pouco mais, mas inspiram confiança aos visitantes e são fáceis de lembrar.

A extensão também pode ser simplesmente consistente com sua área de especialização. Por exemplo, se você está criando uma site para uma organização, pode usar a extensão .org, pode optar pela extensão .store se estiver registrando um comércio eletrônico, etc. Isso dá a você mais opções sobre o seu nome de domínio, especialmente se ele já existir com uma extensão mais comum.

Dica nº 4 – Busque o conselho de pessoas próximas

Depois de fazer uma seleção de possíveis nomes de domínio e extensões, peça a opinião das pessoas ao seu redor. Quais nomes de domínio você acha que melhor refletem sua marca? Qual é o mais fácil de lembrar e soletrar?

Depois de passar horas pensando sobre seu nome de domínio, você pode achar difícil permanecer objetivo e fazer uma escolha final. A ajuda de pessoas externas é, portanto, essencial, porque eles vão lhe transmitir os seus sentimentos, que podem muito bem ser representativos dos seus clientes potenciais.

Dica nº 5 – Verifique a disponibilidade do nome de domínio escolhido

Por fim, verifique a disponibilidade do nome de domínio escolhido. Para fazer isso, basta conectar-se à plataforma que você escolheu para comprar  e inserir seu nome de domínio. O site informará se ele está disponível e, se não for o caso, oferecerá alternativas, como uma mudança de extensão.

Se o nome de domínio que você escolheu não estiver disponível, pode ser possível comprá-lo diretamente de seu proprietário.

Você também deve garantir que seu nome de domínio não se refira a uma marca registrada, sob o risco de receber uma notificação formal solicitando que você interrompa a divulgação de seu site. Para marcas brasileiras, acesse o site do INPI para ver uma lista de marcas registradas que você deve evitar copiar.

Onde comprar um nome de domínio?

A maneira mais fácil de adquirir um nome de domínio é de um host da web. Todos eles oferecem a compra de nomes de domínio com ou sem uma assinatura de sua solução de hospedagem na web. Depois de verificar a disponibilidade do seu nome de domínio, tudo que você precisa fazer é validar seu pedido de compra.

No entanto, geralmente é melhor usar seu nome de domínio com uma assinatura de hospedagem na web. De qualquer forma, você terá que encontrar uma solução de hospedagem para o seu site, e geralmente o custo de um nome de domínio é bastante reduzido, ou mesmo gratuito, se estiver incluído em uma assinatura anual.

Como comprar um nome de domínio que já existe?

Se um nome de domínio não estiver disponível, ele ainda pode ser comprado de seu proprietário.

Você tem dois modos de fazer isso:

  • Você pode entrar em contato diretamente com o proprietário do site, encontrando seus dados de contato no site em questão e entrando em negociações com ele. Para definir o preço de um nome de domínio, você precisará levar em consideração o tráfego de visitantes que já existe no site e sua referência nos motores de busca.
  • Você também pode verificar mercados como GoDaddy.com, Yadot.io, DynaDot.com ou NameCheap.com. Eles colocam à venda vários nomes de domínio abandonados pelos antigos proprietários e também permitem que uma oferta seja enviada ao proprietário cujo site ainda esteja ativo.

Em seguida, basta fazer uma transferência redirecionando seus visitantes ao seu site com o nome de domínio que você adquiriu.

Resumindo, leva apenas alguns minutos para comprar e registrar seu próprio nome de domínio, então dedique seu tempo a pensar no nome de domínio ideal para o seu negócio.

Artigos Relacionados