Hospedagem Web: gratuita, paga ou própria? Quais são as diferentes opções?

por Carlos Torres
Hospedagem Web: gratuita, paga ou própria? Quais são as diferentes opções?

Em resumo, existem três maneiras de hospedar seu site: hospedagem gratuita de terceiros, hospedagem paga de terceiros e usar uma hospedagem própria, que consiste em hospedar seu site em suas próprias máquinas. Cada uma dessas três opções tem suas vantagens e desvantagens.

Hospedagem seu site na web é fornecer o seu conteúdo para a Internet. Se você planeja criar um site, logo se deparará com a seguinte questão: qual solução de hospedagem você deve escolher para que meu site seja acessível aos usuários? Você deve saber que existem diferentes soluções de hospedagem. Vamos mostrar-lhe as três opções disponíveis e citar as vantagens e desvantagens para que possa escolher a opção que melhor se adapta aos seus objetivos e claro ao seu orçamento.

#1 Hospedagem gratuita fornecida por um provedor de terceiros

Se quiser tornar um conteúdo, como um site, acessível, você pode cuidar da hospedagem sozinho ou pedir a um provedor terceiros para fazer isso. Se decidir contratar um prestador de serviços, pode escolher entre uma oferta gratuita ou um serviço pago. Cada variante tem certas vantagens, bem como certas desvantagens.

A hospedagem gratuita na web é particularmente interessante para sites pequenos, porque as ofertas esgotam suas limitações muito rapidamente e muitas vezes não oferecem uma imagem profissional. Essas ofertas podem ser interessantes se você quiser criar um site para seus hobbies, por exemplo.

Benefícios de hospedagens gratuitas:

  • Eles são gratuitos: você não está pagando por hospedagem na web.

Desvantagens de uma hospedagem grátis:

  • A segurança deles é questionável: como os serviços gratuitos protegem seus dados contra ataques ou perdas geralmente não está claro. Como precaução, suponha que os provedores de serviços gratuitos estejam investindo menos em segurança de TI com economia de custos.
  • Contam com o mínimo dos serviços: os serviços gratuitos devem proporcionar ao fornecedor o menor custo possível. É por isso que os serviços disponíveis e as tecnologias utilizadas são frequentemente reduzidos ao mínimo.
  • Acessibilidade limitada: as ofertas gratuitas geralmente oferecem conexões relativamente lentas. Como resultado, seu site carrega significativamente mais devagar. Além disso, também pode acontecer que um site hospedado gratuitamente não esteja mais acessível quando muitas pessoas desejam acessá-lo ao mesmo tempo. A confiabilidade também não é garantida, o que pode resultar na perda permanente de seus dados.
  • Espaço de armazenamento limitado: com ofertas gratuitas, geralmente você tem apenas uma pequena quantidade de espaço de armazenamento que é estritamente limitado. O espaço fica cheio rapidamente se você deseja hospedar arquivos grandes, como fotos ou vídeos.
  • Imagem publicitária pouco profissional: um provedor que oferece serviços gratuitos, no entanto, deve encontrar uma maneira de ganhar dinheiro com seus serviços. A hospedagem na web exige, de fato, o uso de equipamentos que devem ser adquiridos, mas que também devem ser avaliados e continuamente renovados. Sem mencionar os custos de pessoal e licenciamento de software. A inserção de anúncios no seu site, hospedados gratuitamente, é, por exemplo, uma entrada de dinheiro. De modo geral, você não pode controlar o conteúdo desses banners. Isso pode ser aceitável se você administrar um site privado. A publicidade para outras empresas ou produtos pode, no entanto, ser antiprofissional se for um site comercial.

#2 Hospedagem Paga

Existem muitas faixas de preços diferentes para serviços de hospedagem na web pagos para sites, caixas de entrada de e-mail e dados. As ofertas mais vantajosas já custam menos de 30 reais por mês. Você se beneficia de serviços seguros e sérios com uma gama razoável de serviços. Se você precisar de mais recursos, como mais espaço de armazenamento ou serviços adicionais, geralmente terá que pagar uma parcela mensal de dezenas ou até mesmo centenas de reais em sites maiores. Alguns provedores estruturam seus preços com base no uso real. Isso permite que você use os serviços de uma maneira mais flexível, em vez de ficar permanentemente vinculado por um contrato superdimensionado, por exemplo.

Benefícios da hospedagem paga

  • Alto grau de confiabilidade: como empresa, você deseja ter certeza de que seu site ou loja online esteja acessível a qualquer hora e em qualquer lugar. Normalmente, os provedores de serviços profissionais de hospedagem na web garantem a você uma hospedagem segura contra uma variedade de falhas. Além disso, esses provedores garantem que seus dados não sejam acessíveis a pessoas não autorizadas e não sejam perdidos devido a um defeito técnico.
  • Manutenção e reparos profissionais: os prestadores de serviços são responsáveis ​​por manter o equipamento e, às vezes, o software em um nível atualizado, seguro e confiável. Exemplos de manutenção estão abordando vulnerabilidades de segurança críticas, instalando atualizações ou substituindo rapidamente dispositivos com defeito.
  • Serviços personalizáveis: é problemático, principalmente para empresas, quando o site é tão popular que um grande número de solicitações não pode mais ser suportado pelo servidor. Na verdade, o site fica inacessível e você perde clientes em potencial. Provedores de hospedagem de sites profissionais, portanto, quase sempre oferecem a possibilidade de modular o desempenho necessário para atender aos requisitos reais. Dependendo da oferta, esse ajuste pode ser feito automaticamente dentro de uma estrutura predefinida ou manualmente em alguns segundos.
  • Serviço profissional: os prestadores de serviços não são os únicos responsáveis ​​pela manutenção e reparação do equipamento. Frequentemente, eles também estão disponíveis para perguntas e problemas técnicos. Você irá esclarecer rapidamente todos os principais problemas relacionados à sua hospedagem na web com um contato confiável.
  • Fornecimento de muitos serviços adicionais: você gostaria de usar uma tecnologia especial para gerenciar o banco de dados em seu site? Quer oferecer aos seus clientes e parceiros um blog que possa ser alimentado com conteúdo editorial relacionado ao seu negócio? Ou gostaria de criar sua própria loja online? Portanto, você precisa de um especialista em hospedagem na Web que possa lhe fornecer uma variedade de tecnologias. É comum ter uma escolha significativa de tecnologias comuns quando você escolhe uma oferta paga. Antes de assinar o contrato, verifique se o fornecedor oferece a tecnologia de que você precisa para concretizar suas ideias e desejos.

Desvantagens da hospedagem paga

  • Cobranças recorrentes: por exemplo, o serviço é cobrado mensalmente ou anualmente.
  • Armazenamento de dados em centros de dados: você salva seus dados em dispositivos de fornecedores terceirizados e, portanto, os disponibiliza para fornecedores terceirizados. No entanto, isso não é motivo de preocupação se você optar por trabalhar com um provedor de hospedagem na web sério. No entanto, você não tem controle total sobre como e onde seus dados são armazenados.

#3 Hospedagem própria

Caso não deseje contratar um provedor de serviços, você também tem a opção de hospedar seu conteúdo por conta própria. Basicamente, você faz a mesma coisa que um provedor faria: configurar um servidor web. Para isso, são necessários equipamentos adequados, ou seja, um servidor, além de softwares adaptados aos cenários de sua aplicação.

Hospedagem Própria

Foto de panumas nikhomkhai no Pexels

Benefícios de um servidor web só seu

  • Controle máximo: você define nos mínimos detalhes como o seu servidor web opera. Em outras palavras, você tem controle total e decide quem pode ver qual conteúdo e como esse conteúdo pode ser acessado. Portanto, você pode decidir com precisão como proteger os dados confidenciais contra o acesso não autorizado. Você também determina o tipo, o local e a maneira como os dados são armazenados. Isso dá a você controle sobre quais tipos de dados proteger a longo prazo e quais tipos de dados excluir com segurança.
  • Desempenho sob medida: à medida que você disponibiliza seu próprio equipamento, você também pode definir com precisão o nível de desempenho do seu servidor. Ao escolher um provedor, muitas vezes é uma questão de distribuir de maneira ideal o nível de desempenho disponível para os clientes e não disponibilizar o melhor desempenho para sua aplicação o tempo todo. Isso pode fazer com que seu aplicativo fique mais lento durante os horários de pico, resultando, por exemplo, no tempo de carregamento do seu site para os visitantes. Se você escolher seu equipamento, poderá adaptá-lo melhor às suas necessidades reais.

Desvantagens de um servidor web próprio

  • Altos custos de hardware e software: se você deseja que seu próprio hardware e software crie seu servidor de Internet, deve esperar altos custos de compra. Você também deve levar em consideração os custos adicionais regulares de expandir seu sistema, consumo de eletricidade, substituir componentes com defeito ou substituir componentes obsoletos por outros mais modernos. O software também pode incorrer em custos contínuos de licenciamento em vez de taxas únicas.
  • Conhecimento especializado necessário: construir um servidor seguro e confiável pressupõe que você esteja familiarizado com o assunto (por exemplo, segurança da informação). Caso não, você precisará de treinamento especializado para cuidar disso. Isso significa que você terá que estudar para cuidar da instalação, manutenção e reparos esporádicos. Ou você contrata seu próprio especialista em TI para executar essas tarefas. Essas duas soluções gerarão custos adicionais.

Artigos Relacionados